appcod.gif
Anuncio02.png

“Gramado, é muito bom poder voltar a comunicar para a nossa gente...”

“ Olá, Gramado!

É muito bom poder voltar a comunicar para a nossa gente.

Aqueles que me conhecem de longa data, digamos assim, desde o ano de 1991, quando aqui cheguei para comunicar na Rádio Felicidade FM 95,3, sabem exatamente qual a minha conduta em se tratando de fazer imprensa.


Para alguns, um Fleck polêmico.

Mas para a maioria consciente, o Fleck que defendia as causas de uma comunidade que não tinha a quem recorrer para buscar os seus direitos, principalmente, a partir da minha comunicação na Rádio Excelsior.

Ah! Rádio Excelsior, quanta saudade...


Quantas lembranças deixadas pela minha grande amiga, professora e historiadora Marília Daros (in memorian), que hoje podemos acompanhar no espaço Memórias da nossa Gramado, aqui neste Site, no Cidade de Gramado Online, que surge com a mesma proposta daquela época, que não apenas eu, mas inúmeras pessoas relatam sentir muita falta.

O Cidade de Gramado Online nasceu com o propósito de dar vez e voz, de verdade, para a nossa gente.


O Cidade de Gramado Online surgiu com a proposta de escutar Gramado, desde o seu silêncio até as vozes que pedem passagem para dizer algo que todos nós precisamos escutar, seja de elogio, de algum pedido especial, ou simplesmente de um muito obrigado.

Na minha volta para Gramado, eu tenho notado grandes diferenças, e a principal delas é que a cidade já não pertence apenas aos gramadenses.


Escuto sotaques das mais diversas regiões do Brasil, de várias partes do mundo, ... sotaques, sotaques, sotaques... de pessoas que assim como eu, e muitos outros que me escutam ou leem neste momento, passam a se identificar.


De pessoas que, assim como eu, não são gramadenses ‘natos’, mas que tem ‘orgulho de ser gramadense’, sim, sentem esse orgulho mesmo não tendo nascido no Hospital Arcanjo São Miguel ou no Hospital Santa Terezinha – que a maioria daqueles que chegaram há pouco tempo por aqui desconhece.


Então eu vou contar: o Hospital Santa Terezinha estava localizado nas esquinas da Rua Euzébio Balzaretti com a Avenida Borges de Medeiros.


Então, contar boas histórias, assim como esta do Hospital Santa Terezinha, vai ser a missão do nosso Cidade de Gramado Online que, provavelmente não tenha a mesma força do rádio daquela época, mas, afinal, o que é que custa tentar?

Ah! Sim.

Para quem não me conhece, comuniquei na Rádio Felicidade FM 95, 3, hoje Rádio Massa.

Comuniquei na Rádio Excelsior AM 1440.

Ah! Rádio Excelsior, quanta saudade...


Atuei como correspondente das Rádios Gaúcha, Bandeirantes e Guaíba, de Porto Alegre, da Rádio Caxias, de Caxias do Sul, da Rádio Viva FM 94,5, de Farroupilha para a grande Serra Gaúcha, além de ter tido o privilégio de escrever para o Jornal de Gramado, aquele, do grande amigo e jornalista Gilberto Michaelsen, estive editor-chefe de um Jornal que chamava-se Opção, escrevi para o Correio Gramadense, do Sezefredo Machado, para O Gramadense, do César Moacir Tubino, e escrevi para a primeira coluna do Jornal Integração Gramado-Canela, administrado pelo Cláudio Scherer.


E, entre outras tantas ações desenvolvidas, estive assessor de imprensa e gerente de comunicação da Prefeitura de Gramado, respectivamente, nas administrações de Pedro Henrique Bertolucci e de Nestor Tissot.

De 1991 para 2021 são 30 anos, que mesmo morando distante dá a impressão que eu sempre estive presente.

Ou, como dizem os meus velhos e bons amigos: “Quanto mais tu te afastas de Gramado, mais Gramado te traz de volta”.

Sim, deve ser isso.


E se Gramado me trouxe de volta, porque não retribuir com boas notícias?

Sem extorquir ninguém, até porque essa “habilidade”, se é que se pode-se assim chamar, não faz parte da minha conduta jornalística.


Cidade e Gramado Online: um espaço para, aos poucos, mas não tão lentamente, que me dou de presente para poder voltar a contar sobre Gramado.

Nem tanto espinho, nem tanto algodão.

Mais maduro, digamos assim.


Porque tudo na vida é passageiro, tudo tem início, tem meio e tem fim.

Tudo acontece no tempo certo.

E é isso que deve estar acontecendo.

É por isso que eu estou de volta.


E assim sendo, eu te convido para acompanhar esse trabalho, orientar sobre boas pautas, não fofocas, apesar de ter quem goste de ganhar dinheiro procurando problemas na vida das pessoas, fofocas, não, por favor, notícias,... notícias, sim, comentários que sejam para construir uma Gramado que todos nós nos orgulhamos e merecemos ter, sem ranços políticos, mágoas ou rancores.


Assim vai ser o Cidade de Gramado Online: feito por mim, pra ti, feito por nós que temos orgulho de sermos gramadenses.

Feito por pessoas que gostam da nossa cidade, a exemplo do publicitário carioca Albano Alves Filho, que traz o primeiro recado, dos tantos que eu quero receber, diga lá, seu Albano:

“Meu amigo, Fleck.

Jornalista brilhante como você é, ... uma cidade que não conta a sua história, não conta as suas virtudes, e principalmente os seus problemas, não cresce porque as virtudes nos ensinam a buscar melhorar, e os problemas nos ensinam, também, a buscar sermos melhores.

E a cidade de Gramado precisa do Fleck, com toda a sua competência, o seu entendimento, a sua visão das coisas, Gramado precisa muito ter isso.

Por que fica, senão, fica sendo uma cidade acéfala, ninguém sabe o que, realmente, está acontecendo, porque é a notícia que nos faz descobrir os problemas e as belezas.

Fique com Deus, meu amigo.

Você é grande, e vai ser maior ainda, cada vez mais”.


Albano Alves Filho, publicitário carioca, apaixonado por Gramado, apaixonado pelo Rio Grande do Sul.

Seu Albano, muito, mas, muito obrigado.

É um privilégio recebe-lo aqui, sempre, em todos os momentos, meu amigo.

Os contatos do Cidade de Gramado Online estão todos neste Site.

Sejas bem-vindo, vamos construir boas notícias, elogiando quando é merecido, criticando quando necessário.


Não carregando propósitos ou pré-conceitos escondidos, sem mesquinharias ou sermos tendenciosos.

Respeitando todas as opiniões, mas, fazendo valer, também, o nosso ponto de vista.

Ah! Sim.

O Cidade de Gramado Online, é bom que fique bem claro desde o primeiro momento.

O Cidade de Gramado Online é um trabalho independente que não recebe recursos da Prefeitura Municipal, Câmara de Vereadores e da Gramadotur – da autarquia de Turismo e Cultura.


Conto com o teu apoio.

Obrigado, Gramado.

Muito obrigado pela oportunidade que me objetivas de poder estar aqui.


Eu sou Voltencir Fleck, editor do Cidade de Gramado Online, e falo com o patrocínio do:


Spero – Centro de Oncologia.

Preocupação permanente com a qualidade de vida do paciente, afinal, o importante é acreditar, em todos os momentos, que enquanto existe vida, sempre existirá esperança.

Conheço o Spero Centro de Oncologia.

Acesse: www.sperosaude.com.br .

Spero Centro de Oncologia: Aqui a vida acontece!

O apoio deste trabalho é da Sound Records, uma das maiores empresas de comunicação sonora do Brasil, que é nossa, é gaúcha, é de Porto Alegre.

Sound Records: www.soundrecords.com.br

O telefone WhatsApp? 51. 9. 8280.2984.




De momento era isso, mas eu volto a qualquer momento, se Deus quiser, há de querer.

Saúde, Paz e ‘FÉ’licidade para todos”.

*Texto do primeiro Podcast Cidade de Gramado Online, apresentado pelo radialista e jornalista Voltencir Fleck na sexta-feira,23 de abril de 2021.

OUÇA AGORA O PODCAST CIDADE DE GRAMADO OLINE, ACESSE: www.cidadedegramadoonline.com.br/podcast

5 visualizações0 comentário