top of page
appcod.gif
Anuncio02.png

Castelo Saint Andrews investe em programa de Carbono Neutro

Único Relais & Châteaux do Brasil com projeto de Carbono Neutro, empreendimento adota iniciativa que dará origem a novo atrativo natural em Gramado


FOTO: CASTELO SAINT ANDREWS | DIVULGAÇÃO

O Castelo Saint Andrews de Gramado (FOTO) lançará o seu primeiro programa de Carbono Neutro, um projeto inédito que endereça o combate às mudanças climáticas, tema de urgência e notoriedade global.


O empreendimento é o único Relais & Châteaux do Brasil, grupo que reúne os melhores hotéis do mundo, a contar com esse projeto.


A partir da iniciativa, o Castelo Saint Andrews passará a ter completa Gestão em ESG, baseada no modelo de excelência internacional ISO, o que permitirá ao empreendimento acompanhar indicadores ESG de forma permanente e ampliar a geração de impacto positivo no entorno.


O projeto visa neutralizar as emissões de carbono geradas pelas operações do Castelo em Gramado, investindo em práticas sustentáveis como projetos de reflorestamento na região e conscientização ambiental climática para públicos estratégicos.


Este investimento está alinhado com a missão do empreendimento em potencializar a geração de riquezas, implementando ESG em sua gestão de ponta a ponta, até e etapa de conservação ambiental e conscientização.


Foram cerca de 10 meses de desenvolvimento, sendo que desde o início de 2023 um grupo de especialistas trabalhou no desenvolvimento do 1º Inventário de Carbono do Saint Andrews, com a definição e acompanhamento de todos os indicadores de emissão gases de efeito estufa, avaliando processos e logísticas adotados na operação do castelo.


Com base neste estudo, um amplo plano de mitigação de impactos foi desenvolvido, adaptando processos operacionais até a completa neutralização de carbono, que resultará na concessão do Selo Prima Conscientização Climática, na noite de abertura do Festival de Turismo de Gramado (Festuris), no dia 10 de novembro.


O programa foi construído com apoio de consultorias e técnicos renovados na questão ambiental, como a GESCAP – Gestão e Capacitação de Alta Performance e a OSCIP Prima Mata Atlântica e Sustentabilidade, com a chancela do GBV – Grupo Brasil Verde, IFEC – Instituto Interamericano de Fomento à Educação, Cultura e Ciência, Coalizão Brasil – Clima, Florestas e Agricultura, ACA – Aliança pela Ação Climática e REBIA – Rede Brasileira de Informação Ambiental.


O programa Carbono Neutro envolve a implementação de ações, algumas já concluídas e outras a serem implementadas nos próximos meses:


- Reflorestamento local: plantio de mais de 200 mudas de árvores nativas no jardim do Castelo, entregando ao empreendimento um novo atrativo natural, que permitirá a construção de um bosque para utilização de hóspedes, com vista privilegiada para um dos patrimônios naturais próximos ao hotel, o Belvedere do Vale do Quilombo.


Essa iniciativa permite desde já a compensação das emissões de carbono.


- Educação ambiental climática: capacitações para o time de colaboradores do empreendimento para a gestão ESG, bem como engajamento junto à comunidade local para que estudantes e moradores do entorno possam também participar de iniciativas educacionais sobre a conservação do meio ambiente a partir do novo bosque.


- Eficiência energética: implantação de tecnologias e práticas para reduzir o consumo de energia renovável nas instalações do Castelo.


- Parcerias sustentáveis: colaborar com organizações locais e regionais para inspirar a adoção de práticas ESG por demais interlocutores da cadeia produtiva de serviços da região.


Guilherme Paulus, proprietário do Saint Andrews, destaca que o programa Carbono Neutro demonstra o compromisso de longo prazo e contínuo com a sustentabilidade ambiental e a preservação do ecossistema local.


“Convido a iniciativa privada, empresários e demais articuladores da Serra Gaúcha, a juntarem-se a nós, para construirmos um futuro mais verde e sustentável para todos, para as gerações atuais e futuras. Desejo que o Saint Andrews seja lembrado não apenas por sua beleza histórica e excelência em hospitalidade e luxo, mas também por seu compromisso com a sustentabilidade da região mais promissora do Brasil”, destaca Guilherme.


O Saint Andrews tem como política a garantia de exclusividade, sofisticação e requinte reunidos em um empreendimento com arquitetura inspirada nos castelos escoceses, qualidade de suas experiências e satisfação dos clientes.


E, agora, o Castelo eleva seu modelo de excelência, sendo um dos primeiros hotéis do Rio Grande do Sul a fincar bandeira neste pioneirismo.


Evento Lançamento – No dia 10 de novembro, ocasião de abertura do Festuris, o Saint Andrews realizará um evento para celebrar esse marco histórico, com o plantio da primeira muda que simboliza o início de sua gestão em ESG, devidamente certificada com a concessão do Selo Prima Consciência Climática, conferido por organizações internacionais, pela OCRE – Associação para Valorização do Ambiente, Cultura Patrimônio e Lazer, de Portugal, e pelo movimento latino-americano SIMAAS – Sistema de Integração Municipal América Área Sul, concedido apenas para iniciativas dedicadas à revalorizar a identidade sociocultural de patrimônios naturais no território do Cone Sul, em especial Argentina, Brasil, Chile e Bolívia.


2 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page